domingo, 16 de outubro de 2011

Grave acidente na Fórmula Indy causa morte de Dan Wheldon‎

Grave acidente na Fórmula Indy causa morte de Dan Wheldon
Outros dois pilotos já foram levados para o hospital, J. R. Hildebrand e Pippa Mann


Um grave acidente envolvendo 15 carros interrompeu a corrida de Las Vegas da Fórmula Indy e causou a morte de Dan Wheldon, vencedor das 500 milhas de Indianápolis neste ano. O norte-americano acabou sendo catapultado direto para o muro de contenção e bateu fortemente, ficando desacordado dentro do carro. Com o acidente, a prova foi paralisada.

Outros dois pilotos já foram levados para o hospital, J. R. Hildebrand e Pippa Mann, mas seus casos são menos graves e eles saíram de ambulância.

Dan Wheldon com seu bebê em 2009
Ironicamente, Wheldon não está disputando a temporada regular e apenas participou da corrida em Indianápolis e de Las Vegas. O piloto está fazendo testes para ajustar os veículos para a temporada de 2012.

Wheldon estava na disputa pelo prêmio de US$ 5 milhões (aproximadamente 8,6 milhões de reais) para a corrida final. O inglês é o atual vencedor das 500 milhas de Indianápolis e foi campeão da categoria em 2005.

O experiente canadense Paul Tracy, que se envolveu no acidente, afirmou que o "momento é de rezar por Dan (Wheldon), porque será uma longa recuperação", comentou.

Os pilotos Pippa Mann e J.R. Hildebrand foram levados também para um hospital da região reclamando de tontura, mas não sofreram lesões sérias.

O último acidente fatal na Fórmula Indy foi com o piloto americano Paul Dana, no autódromo de Miami, em 2006.

A etapa de Las Vegas define o campeão de 2011 da Indy. O australiano Will Power, líder, foi um dos 15 pilotos que bateram e deve deixar o caminho livre para maisdo escocês Dario Franchitti.

"Pude ver em cinco voltas que as pessoas estavam começando a fazer coisas malucas. Adoro pilotar, mas isso não é para mim o que eu penso. Vocês viram o que aconteceu, um pequeno erro de alguém...", criticou Franchitti, que luta pelo quarto título.

Com informações da AP




Fittipaldi, pilotos e equipes prestam homenagens a Wheldon


A morte do britânico Dan Wheldon após o acidente forte sofrido neste domingo durante a etapa de Las Vegas da Fórmula Indy chocou o mundo do automobilismo. Outros automobilistas equipes da categoria prestaram pela internet homenagens ao piloto.

A prova em Las Vegas foi cancelada, mas os pilotos voltaram à pista para dar cinco voltas em homenagem ao britânico, bicampeão das 500 Milhas de Indianápolis e campeão do Mundial da Fórmula Indy.

"Dia muito triste! Duas vezes campeão da Indy 500, um grande campeão. Todas as minhas condolências e amor à família de Dan Wheldon da família Fittipaldi", escreveu Emerson em seu Twitter. "Já vi muitos bons homens e corredores nos deixarem prematuramente, é uma parte infeliz do nosso esporte", completou.

Tony Kanaan, que liderava o Grande Prêmio de Las Vegas quando o acidente ocorreu, na décima volta, também lamentou o ocorrido. "Sem palavras para descrever o aperto no coração. Vai com Deus meu amigo, te vejo do outro lado", escreveu também no Twitter. Nelson Piquet, Mário Moraes, Luciano Burtti e Antônio Pizzonia foram outros brasileiros que se manifestaram sobre o assunto.

Já a norte-americana Danica Patrick, que disputava sua última prova pela Indy antes de se transferir para a Nascar, utilizou o microblog para dar forças à esposa e aos filhos do bicampeão da Indy. "Não há palavras para mim hoje. Eu e tantos outros estávamos devastados. Rezo por Suzi e as crianças e que Deus dê força a eles".
Em seu site oficial, a equipe Andretti, em que Dan Wheldon corria quando conquistou pela primeira as 500 Milhas de Indianápolis, também prestou homenagens ao piloto britânico, de 33 anos de idade.

"Dan trouxe entusiasmo e paixão ao esporte que não é visto sempre no automobilismo. Lembraremos dele pelas grandes conquistas com o nosso time e por sua personalidade marcante", diz o comunicado emitido pelo time.

Terra

Um comentário:

  1. eulanio / crato.ce brasil17 de outubro de 2011 16:03

    o mundo da velocidade esta em luto

    ResponderExcluir

Fique a vontade para comentar, só lembramos que não podemos aceitar ofensas gratuitas, palavrões e expressões que possam configurar crime, ou seja, comentários que ataquem a honra, a moral ou imputem crimes sem comprovação a quem quer que seja. Comentários racistas, homofóbicos e caluniosos não podemos publicar.